segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Dia das Crianças




Uma mensagem diferente

Você que tem o dom das palavras,
Que é dono de seus pensamentos e atos,
Que controla seu corpo, pois tem passos firmes e anda corretamente.
Sorri para os prazeres que a vida lhe oferece,
Pois você tudo vê, tudo compreende, tudo pode.
Você precisa ser muito mais feliz do que é.
Falta-lhe ainda uma pequena coisa.
Olhe ao seu redor, você encontrará alguém com alguma deficiência.
Ajude-o, respeite-o.
Sinta a emoção de perceber olhos que vêem com as mãos e com coração,
Ouvem através dos olhos,
Falam e compreendem com sorrisos e gestos
Têm a beleza física moldada na alma.
É preciso que você faça seu irmão excepcional
Tão feliz quanto você é.
Ele não é culpado de sua deficiência.
Lembre-se você que é perfeito, não o rejeite,
Não deixe o preconceito estagnar seu coração.
Saiba que a felicidade plena está em poder ser útil à humanidade,
Então, experimente-a.

Há mais de 10 anos a APAPE, presta atendimento social, psicológico, fonoaudiológico e médico para crianças com necessidades especiais.

Amigo(a), estamos com muito carinho e respeito entrando em contato convosco, para junto ao seu coração e em um ato de boa vontade, pedir seu apoio para a FESTA DO DIA DAS CRIANÇAS da APAPE.

Nossos recursos são praticamente nulos, pois temos apenas um convênio com a Prefeitura de Campos dos Goytacazes, para o mês todo suprir as necessidades de funcionamento da APAPE e atender com carinho, amor e atenção as crianças.

Estamos necessitando de alguns ítens para a comemoração do DIA DA CRIANÇA para 150 atendidos!

DATA: 13 DE OUTUBRO DE 2009 - ATENÇÃO A DATA MUDOU POR MOTIVO DE FORÇA MAIOR.
14 HORAS - JARDIN SAO BENEDITO
CASO CHOVA, SERÁ REALIZADO NA APAPE.

Nosso especial agradecimento ao Sr. Zacarias - Secretaria de Limpeza Pública.

Precisamos de :


SALSICHA
MOLHO
PÃO DE CACHORRO QUENTE
SAQUINHO PARA CACHORRO QUENTE
SAQUINHO PARA PIPOCA
BALAS
COPOS DESCARTÁVEIS
REFRIGERANTE (GUARANÁ)
BOLOS
CONFEITOS PARA BOLO ( CHOCOLATE GRANULADO, ETC)

LIGAR PARA: (22)9873-3828

Espero que possamos contar com o seu apoio, e já de antemão o convidamos para que venha conhecer o nosso trabalho.

Em nome das crianças e da família APAPE, o nosso muito obrigado pelo seu apoio e atenção.

terça-feira, 30 de junho de 2009

10 ANOS DA A.P.A.P.E.

FAÇA HOJE E NÃO AMANHÃ!

" Diz o preguiçoso: "Amanhã farei."
Exclama o fraco: "Amanhã terei forças."
Assevera o delinqüente: "Amanhã regenero-me."
É imperioso reconhecer, porém, que a criatura,
adiando o esforço pessoal, não alcançou, ainda,
a noção real do tempo. Quem não aproveita
a bênção do dia vive distante da glória do século.


A alma sem coragem de avançar cem passos
não caminhará vinte mil.
O lavrador que perde a hora de semear
não consegue prever as conseqüências da procrastinação
do serviço a que se devota, porque,
entre uma hora e outra,
podem surgir impedimentos e lutas de indefinível duração.

Muita gente aguarda a morte para entrar numa boa vida.
Contudo a lei é clara quanto à destinação de cada um de nós.
Alcançaremos sempre os resultados a que nos propomos.

Se todas as aves possuem asas, nem todas
se ajustam à mesma tarefa nem planam no mesmo nível.
A andorinha voa na direção do clima primaveril,
mas o corvo, de modo geral, se consagra,
em qualquer tempo, aos detritos do chão.
Aquilo que o homem procura agora surpreenderá amanhã,
à frente dos olhos e em torno do coração."

CHICO XAVIER

Na data de hoje, a .AP.A.P.E. comemora 10 anos de vida. São 10 anos que sua presidente Regina Célia, vem lutando dia após dia, para que centenas de crianças recebam mensalmente o atendimento necessário na sua reabilitação, visando sempre a inclusão social!
Regina, nunca deixou para amanhã as suas inquietudes e vontade de mudar uma parte do mundo através de saus ações. Foi atrás e conseguiu!
Cada dia é uma vitória, cada sorriso no rosto de uma criança que vejo é o retorno dessa luta incansável!!!!
Parabéns por seu trabalho admirável! Só posso pedir a Deus que continue te iluminando e te dando forças nesse trabalho tão árduo, muitas vezes não reconhecido...mas essencial a vida dessas criaturinhas especiais!
Deixo aqui registrado mu carinho e admiração por você, brava guerreira!

Cristiane Sales

quarta-feira, 24 de junho de 2009

segunda-feira, 15 de junho de 2009

sábado, 13 de junho de 2009

quarta-feira, 27 de maio de 2009

Pré-conceito

PRÉ-CONCEITO

"1. Se você conhecesse uma mulher que está grávida e já tem 08 filhos dos quais 03 são surdos, 2 são cegos, 01 é retardado mental, e ela tem sífilis...
Recomendaria que ela fizesse um aborto?

LEIA A PRÓXIMA PERGUNTA ANTES DE RESPONDER A ESSA.

1. É tempo de escolher um líder mundial e o seu voto é importante. O comportamento dos candidatos é o seguinte:

Candidato A:
É associado a políticos corruptos e costuma consultar astrólogos. Teve duas amantes, fuma um cigarro atrás de outro e bebe de 08 a 10 Martinis bebida misturada 3/4 gin 1/4 vermute branco por dia.

Candidato B:
Foi despedido do trabalho duas vezes, dorme até meio-dia, usava drogas na Universidade e bebia meia garrafa de Whisky toda noite.

Candidato C:
É um herói condecorado de guerra, é vegetariano, não fuma, bebe as vezes um pouco de cerveja e nunca teve relações extra-conjugais.


QUAL DESSES CANDIDATOS VOCÊ ESCOLHERIA?
Decida antes de continuar...


Candidato A:
Franklin Roosevelt - (foi presidente EUA)

Candidato B:
Winston Churchill = (foi Primeiro Ministro Inglaterra)

Candidato C:
Adolph Hitler - (todos sabem quem foi...)


E sem esquecer a primeira pergunta: A resposta da questão do aborto...
Se respondeu que sim, você acaba de matar BEETHOVEN.


MORAL DA HISTÓRIA


Nem tudo o que brilha é ouro e nem tudo o que é ouro deve brilhar; o importante são as decisões que você toma no caminho e, como elas, te ajudam a chegar ao final. Por isso é que não devemos pré-julgar ninguém. Principalmente com a descrição de duas ou três linhas. "

ACABE COM SEU PRÉ-CONCEITO!


Depois de assistirem ao vídeo que é emocionante, nos digam quem é deficiente na verdade? As pessoas especiais que Deus nos enviou em forma de anjo, ou o ser humano "normal" que não se preocupa com o bem estar do próximo? Será que esta é a inclusão social tão falada pela mídia, pelos políticos que no dia-a-dia não se solidariarizam com estes anjos? Será por que eles não votam? Cabe somente a você refletir e analisar qual está sendo a sua contribuição na sociedade!

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

A.P.A.P.E.

Associação De Pais de Pessoas Especiais do Norte e Noroeste do R.J


Tudo começou quando em 25 de fevereiro de 1992, minha cunhada de 23 anos chegou de Vitória (E.S.) grávida da 3º filha, com quase 9 meses de gestação e me procurou com pedidos de exames pré-natais, no Hospital Dr. Beda onde eu era telefonista.
Foram realizados ultrasonografias pelo Dr.Geraldo Nogueira, onde foi constatado que ela estava com um tumor de estômago e fígado; e o bebê não apresentava sinais vitais. Então ela foi encaminhada para realizar uma endoscopia no hospital Sociedade Beneficência Portuguesa de Campos com Dr. Paulo Hirano (hoje Secretário Municipal de Saúde) , onde colhido o material pela biópsia e analisado no Laboratório Dr. Honor Sobral, foi constatado um câncer. Por isso seguiu para a Clínica Medicina Nuclear, a fim de fazer uma transfusão de sangue pois estava com 18 de hematócritos.
Em 5 de março, ela voltou a realizar a ultrasonografia para visualizar a posição do bebê e através da cesárea retirá-lo para sepultamento. Para nossa surpresa e alegria, o médico nos informou que o bebê apresentava sinais vitais, que era uma menina e poderia nascer a qualquer instante. Um verdadeiro milagre!
No dia 07 de março, minha cunhada entrou em trabalho de parto e foi encaminhada ao Hospital dos Plantadores de Cana, onde nascia Letícia Laylla. No dia seguinte, a mãe teve alta hospitalar e eu fui atendida pelo pediatra, hoje Deputado Estadual Dr. Wilson Cabral, que me informou que Letícia nasceu com 3.550gr e 56 cm, com todos os reflexos de um bebe normal, mas apresentava um quadro de conjuntivite purulenta e por isso ficaria em observação por alguns dias.
Após a alta hospitalar, foi feito o exame do pezinho e não foi constatada nenhuma anomalia.
Aos 3 meses de vida de Letícia estávamos na luta com a mãe dela, pois já havia começado o seu tratamento de radioterapia e quimoterapia; quando levamos mais um choque ao levar a recém-nascida ao neuropediatra (pois percebemos que ela não sustentava o pescoço) e através de uma tomografia computadorizada, realizada no I.M.N.E. foi constatado que ela era portadora de craniostenose e paralisia cerebral (metade do cérebro esquerdo morto).
Aí sim começou a minha batalha, porque além de cuidar da mãe, tive que cuidar também da filha, com tratamentos de fisioterapia com Dra Ligia Correa, fonoaudiologia com Dra. Cândida, ecoterapia com Antônio Carlos, etc.
Eu que já tinha uma filha de criação, fiquei com mais duas; além da responsabilidade com minha cunhada que cada vez ficava mais debilitada, vindo a falecer no dia 7 de maio de 1993, às 7h e 30m em Vitória com 24 anos.
Assumi também outra responsabilidade, pois ela tinha deixado mais duas filhas, uma com 5 anos e a outra com 2 anos. Neste momento passei a ter 4 filhas.
Com a ajuda da minha mãe e mais uma cuidadora conseguia organizar o tratamento de Letícia, o colégio das meninas e o meu trabalho como telefonista do Hospital Dr.Beda.
Dr. Herbert sempre solícito às minhas necessidades, forneceu muitas vezes, leite, fraldas, remédios,para Letícia além do colégio, não somente para minhas filhas, assim como para todas as funcionárias que não tinham com quem deixar seus filhos para trabalharem.
Em 1996, recebo mais uma notícia desesperadora: minha mãe estava com câncer de colo de útero e durou apenas mais 3 meses. Me vi sozinha, com 4 crianças pequenas, já que a mais velha não tinha nem 10 anos e sem rumo, porque ela era minha bússola, apesar do carinho e dedicação da minha família.
Mais uma vez tive o apoio do grupo I.M.N.E., em especial, do Dr. Herbert, do Dr. Leonardo Miranda, da sra. Marta Henriques e de todos os meus colegas de trabalho.
Hoje se Letícia tem o privilégio de ter um plano de saúde, abaixo de Deus, agradeço a sra. Marta Henriques que desde que minha mãe estava enferma, vem pagando todas as mensalidades para que ela possa ser atendida em suas necessidades. Essas coisas, não se pagam nunca...a gratidão é eterna!
Na minha luta, comecei a ter contato com outras mães que como eu, buscavam um lugar onde pudessem receber todo o atendimento para seus filhos. Diante dessa situação, me vi na obrigação de tomar uma atitude em prol dessas mães que não conheciam seus reais direitos, já que para mim era mais fácil porque trabalhava na área de saúde. Assim, procurei Dr. Herbert, que prontamente nos cedeu um imóvel situado na rua Conselheiro Otaviano, nº 199, Pelinca, para que pudéssemos começar a concretizar nossos sonhos. Foi onde surgiu a A.P.A.P.E. - Associação De Pais de Pessoas Especiais do Norte e Noroeste do R.J.. Até hoje sempre que solicitado Dr. Herbert nunca deixa de estender as mãos para nos atender, nem nos mínimos pedidos.
E numa forma de agradecer, se é que isso pode ser agradecido, colocamos em uma de nossas salas, o nome de CENTRO DE REABILITAÇÃO FABRÍCIO CORREIA NEVES. Quem o conheceu, dispensa comentários!
Espero de alguma maneira, estar correspondendo a confiança depositada em minha pessoa, pois além de ser mãe de 4 filhas em minha casa, sou mãe de 167 crianças na A.P.A.P.E.
Meu agradecimento será sempre eterno!

REGINA CÉLIA MUNIZ DA SILVA